28 janeiro, 2006

Mulheres


Woman with calla lillies - Naoko


Elas sorriem quando querem gritar
Elas cantam quando querem chorar
Elas choram quando estão felizes
E riem quando estão nervosas

Elas lutam por aquilo em que acreditam
Elas revoltam-se contra a injustiça
Elas não aceitam um "não" como resposta
quando acreditam que existe uma melhor solução

Elas andam sem sapatos novos
para que os seus filhos os possam ter
Elas vão ao médico com uma amiga assustada
Elas amam incondicionalmente

Elas choram quando os filhos adoecem
e alegram-se quando os filhos ganham prémios
Elas ficam contentes
quando sabem de um aniversário ou um novo casamento

Mulheres - Pablo Neruda

2 comentários:

Bitta disse...

Ser mulher é mesmo uma coisa gigantesca... principalmente nos dias que correm!

Ser mãe, esposa, dona de casa, profissional e ainda arranjar um tempinho para si... para as suas coisas... não é fácil!

UMA VEZ MAIS FALO COM EXPERIÊNCIa

Girassol disse...

Então como podemos não dar valor a um ser tão completo? É uma injustiça...!
Esta nossa versatibilidade e facilidade de adaptação torna-nos fortes! Por isso somos os pilares da casa...Quando fraquejamos...desaba tudo!
Bjs