07 julho, 2006

A Tribo de Girassóis



Hoje quero falar da noção de tribo, seja virtual ou não.

Tem a ver com a ideia de pertencer, de fazer parte integrante de um grupo especial.
Há uns anos descobri a minha primeira tribo, de raiz moçambicana. Alguns ex-colegas de Moçambique, pertencendo a um grupo MSN, animaram, conviveram num site, o que me trouxe imensas alegrias, muitas lembranças, risos e algumas tristezas com o desaparecimento de alguns deles. Depois fizemos encontros e mantemos um pequeno grupo que se sente muito bem quando se junta em fins-de-semana e petisqueiras.
Entretanto, descobri a Blogosfera…
E com ela uma nova tribo se foi formando, com a qual sinto empatia e até a falta, quando se ausentam….
Esta tribo virtual tem para mim um valor especial.
É um manancial de informação, cultura e carinho, que absorvo com deleite!
Poesia e fotografia originais ou não, imagens e palavras que me deixam espantada com o talento que vou descobrindo aqui e ali…
Sou bastante fiel aos meus amigos, quer sejam virtuais ou não. Emociono-me e corro quando algum está menos bem.
Comigo já fizeram o mesmo…
E é desta partilha desinteressada que nos vamos alimentando e crescendo.
E se um dia nos conhecermos em qualquer encontro de blogues, a surpresa servirá de motor para a cimentação deste agradável e saudável convívio cibernético!

Beijinhos para a minha Tribo de Girassóis!
(imagem da net)

24 comentários:

diamond disse...

Nunca vi blog com tanta luz!

Parabéns!

:)

Girassol disse...

Mas o diamante...Brilha tanto!!!!
Vou espreitar...
Segredo: adoro diamantes...ou não fosse mulher!
Agradeço a visita.
Abraço

pitanga disse...

Girassol, vá à pitangueira. Assunto só para mulheres.
abraços pitanga.

Ps: seus girassois são lindos. Já viu o filme Sob o Sol da Toscana?
Eles estão por toda a parte.

Girassol disse...

Para mim "pertencer" é tão indispensável como respirar.
Gosto das tribos em que me fui inserindo ao longo da vida (A familia, os Amigos, os Blogueiros, etc..).
Como diz a velha e sábia frase "O Homem não é uma ilha", precisamos dos outros e das mil e uma formas que temos de comunicar com eles.

=) Um fim de semana brilhante.
Beijinhos.

Bazuca disse...

Mas que Girassol tão simpático que tu és! que bom pertencer á tua tribo...!
bjs e bfds

Mocho Falante disse...

Olááááá

sabe muito bem esta amizade virtual tão ou mais verdadeira que outra qualquer

beijocas e bom fim de semana

as velas ardem ate ao fim disse...

Esta é a minha oferta para ti:

meu olhar é nítido como um girassol,
Tenho o costume de andar pelas estradas
Olhando para a direita e a esquerda
E de vez em quando olhando para trás...

E o que vejo a cada momento
É aquilo que nunca antes eu tinha visto,
E eu sei dar por isso muito bem...
Sei Ter o pasmo essencial que tem uma criança
Se ao nascer, reparasse que nasceras deveras...

Sinto-me nascido a cada momento
Para a eterna novidade do Mundo

Creio no mundo como um malmequer
Porque o vejo, mas não penso nele
Porque pensar é não compreender

O mundo não se fez para pensarmos nele
(Pensar é estar doente dos olhos)
Mas para olharmos para ele e estarmos de acordo...

Eu não tenho filosofia, tenho sentidos...
Se falo na natureza não é porque a amo, amo-a por isso,
Porque quem ama nunca sabe o que ama.
Nem sabe porque ama, nem o que é amar...
Amar é a eterna inocência
E a única inocência é não pensar."
(Fernando Pessoa)

Mocho Falante disse...

olá Lindinha...nem imaginas ou vou estar em Outubro???? Pois claro Krabi! Nem queria acreditar quando leia o teu comentário...ele há cada coicidência...

beijocas

lena disse...

menina que brilha como o sol

é bom ler-te, sentir as palavras que nos dizes com o teu especial carinho

aqui na blosfera sinto amigos sim, partilhas que me encantam e me prendem, fico presa a elas e adoro visitar e ler cada cantinho, para me sentir mais próxima

partilho contigo essa amizade, neste mundo onde o virtual também sabe fazer amigos, amigos muito queridos

o meu beijo e um abraço onde vai a amizade e o carinho, doce menina que brilha

lena

perola&granito disse...

:)

Teresa Durães disse...

Nos dias em que foram difíceis
mas que passaram
a ternuram que recebemos
desprendida
dos que nada pedem
dos que dão
(quantos assim?
quantos são?)

Lembramos e não esquecemos
as vozes que ouvimos
os que não conhecemos
(os que conhecemos?)

Haja carinho

Teresa Durães disse...

* a ternura que recebemos

Era uma vez um Girassol disse...

Bom fim de semana para todos!

Vou ao encontro da minha outra tribo, a moçambicana, em festa de arromba, para festejar com pompa e circuntância os 60´s duma amiga do coração!
Petiscos, conversa a potes, risos, danças(algumas marrabentas)....que me deverão "arrebentar" com o corpinho....
Mas a mente ficará leve e o coração cheio!
Beijinhos para todos

Rui Martins disse...

e ainda dizem que a Tecnologia é "má"... sem ela não haveriam estas novas maneiras de as pessoas se conhecerem, trocarem experiências, e de aprenderem! eu tenho aprendido muito desde que "blogo" e como dizia o outro...

blogo, logo existo!

e é uma honra pertencer à tua tribo virtual!

Vanda Baltazar disse...

eu mulher tribal me entrego aqui :))

mas....

o homem voltou a cair ao mar :-O

;)) sabes onde ??? ;))

beijos

Van

AS disse...

Todos temos uma tribo. Porque não esta dos Girassóis, sempre procurando o Sol?

Um beijo e bom fim de semana

pitanga disse...

Girassol,obrigada pela visita e volte sempre.
abraços da pitanga

amigona disse...

Que linda imagem! Beijo desta amiga da "família"... (afinal, ficamos em 4º - também é bom!)

Lmatta disse...

gostei de ver os teus girassois todos
mil beijinhos

hfm disse...

Sou do tempo das tribos e gosto delas. Obrigada.

rouxinol de Bernardim disse...

O girassol é lindo! Tenho um poema que fala deles... na Madeira!
Gostaria que o visses e comentasses! Aguardo...

Luisa disse...

Sempre fui de tribos ou grupos, como quer que lhe chamemos. Tal como tu, também foi uma surpresa entrar nesta da blogosfera. E não é que já tenho aqui, também, amigos???'

aprendiz de viajante disse...

Querida girassol

Neste vai e vem entre a cidade e o campo trouxe uma fotografia do girassol que cresce no quintal da minha mãe...

Antes de voltar para lá, deixo um post para mostrar que a tua tribo tem orgulho em ti.

Um bjo e fica bem.

segurademim disse...

o sentimento de pertença, é algo muito compensador, gratificante...

gosto da ideia de tribo, porque não?

boa semana de ritos (rsrsrs)

:)