29 julho, 2006

Como irmãs


Two Women - Rachel Deacon

Júlia é nome de Mulher
Jóia rara que se quer,
Júlia é forte, Júlia é amor,
Dá-se sempre, sem temor!

Júlia é raiva e simpatia,
Tempestade e acalmia,
Equilíbrio e inconstância,
Doçura até na distância.

Passa o tempo lentamente,
Esperando, desespero,
Mas ao chegar finalmente
Aquele abraço que eu quero,
A saudade se mitiga...
Está aqui a minha Amiga!!!!

Setembro 87


Adoeceu, nada disse...
Lá longe, na Suiça, sujeitou-se a operação complicada.
Soube há pouco, porque a minha filha viajou em serviço e foi visitá-la ao hospital.
Chocada, ligou-me. Falei com as duas e agora...

Amizade antiga, laços indestrutíveis nos ligam.
Vizinhas, colegas de trabalho no liceu. Como irmãs.

Que fique boa depressa!

Envio-lhe este ramo de girassóis para lhe dar energia...


E travo a vontade de me meter no avião e ir para junto dela.
Não sei...

6 comentários:

Rute disse...

Que bonita amizade... as melhoras.

Beijos

pitanga disse...

Tenho aqui em casa uma Juliana a quem chamo de Julinha e sei a força interior que elas têm. Tudo vai correr bem.
abraços carinhosos Pitanga

Papoila disse...

Girassol:
As melhoras para tua amiga / irmã!
Tenho-te encontrado em muitos dos blogs amigos que visito.
Hoje vim ver-te e surpresa minha és de Aveiro...
Lindo o teu blog! Vou de férias mas volto e não vou perder mais o teu blog...
Beijo

bettips disse...

Se puder ...vá mesmo. Eu sei como é a fragilidade da doença e como a força duma Amiga nos pode "levantar". Abç e as melhoras para a mana.

Teresa Durães disse...

as melhoras, também, à amiga. se o sonho é voar ao pé dela, e se houver possibilidades, o meu conselho é não pensar e ir :)

Um outro olhar disse...

que tudo corra bem
a amizade essa é intemporal

:)