28 abril, 2007

Por uma causa II....

No autocarro, em direcção a Lisboa, os telemóveis tocavam.
Os familiares, os colegas queriam saber se tudo estava bem...
Um marido recomendava:
- Diverte-te!
Outro dizia, com pena:
- Eu devia ter ido também!
Uma colega de Coimbra perguntava:
- Onde estão? Quantos vão?
E a conversa rolava...
E os risos....
E os mimos das pessoas do sindicato: um envelope com 5 euros para o almoço para os sindicalizados,uma fitinha preta e autotocolante para todos, as recomendações para ficarmos juntos, as explicações como tudo iria decorrer.
Até umas piadas ao PM em forma de texto anedótico....
E na hora do café, ouviram as queixas, as injustiças praticadas, as mágoas.
Com muita compreensão, muito feedback.


No local da “manif”, à medida que chegavam os funcionários das diversas regiões do país, eu ia perguntando donde vinham...
Estava a falar com umas trabalhadoras do campo do Algarve, uma do Patacão(Faro), outra de Tavira, quando senti que me tocavam no ombro e me diziam:
- Eu conheço-te!
Olhei e vi uma cara bonita, olhos de desilusão, cabelos loiros, um pouco maltratados.
De repente, abri muito os olhos, fêz-se luz:
- Isabel!!!!
Reconheceu-me também, já não nos víamos há muitos, muitos anos.
Colega de Angola, da Chianga, Nova Lisboa.
Abraçámo-nos longamente.
Perguntei a medo:
- Tu também estás...
Nem acabei a frase...
Fêz que sim com a cabeça e um ar muto triste..
Apertei-a, num abraço forte e as lágrimas saltaram.
Mais um grande abraço do pescador...
Ficou sempre junto de nós, gritou também pela primeira vez , os olhos iluminaram-se, riu-se, acompanhou-nos ao autocarro na hora da partida.

Percebi, então porque tinha de ir a Lisboa.
Confirmei, dum modo muito claro, que existe uma missão para cada um de nós.
Basta abrir o coração.

21 comentários:

pitanga disse...

Ó caramba! Fiquei a ver se te via na televisão e nada. Não vi lá ninguém com carinha de Girassol. hehe

beijos

margarida disse...

Quando puderes passa pelo meu blog.
bjcs.

era uma vez um girassol disse...

Olá Pintanguinha!
Estava lá pelo meio...
Também não deram grande coisa!
Mas foi muito bom.

Margarida, já lá irei...

Bjs

Licínia Quitério disse...

É assim mesmo, Girassol. Ser solidário é isso. Hoje felizmente ainda não é contigo. De qualquer modo, o que é com os outros é sempre também connosco.

Abraço, Amiga.

sonhadora disse...

Um bom fim de semana.
Beijinhos embrulhados em abraços

aDesenhar disse...

"Mesmo na noite mais triste
em tempo de servidão
há sempre alguém que resiste
há sempre alguém que diz não."


abraço solidário
colega FP

Maria disse...

Bonito, esse encontro...
Hoje não resisto a deixar-te um poema de Brecht, bem adequado:

Primeiro levaram os comunistas,
mas não me importei com isso
eu não era comunista.
Em seguida levaram alguns operários,
mas não me importei com isso
eu também não era operário.
Depois prenderam os sindicalistas,
mas não me importei com isso
porque eu não sou sindicalista.
Depois agarraram uns sacerdotes,
mas como não sou religioso
também não me importei.
Agora estão-me a levar a mim
Mas já é tarde...

Beijinhos

hfm disse...

Grande coração!

Margarida disse...

Olá Girassol se tiveres paciência passa no meu blog
bjs da guida

lucia duarte disse...

ora viva.
o meu nome é lucia duarte e venho enviar-vos um convite:
no dia 12 de maio vai haver um encontro de bloggers alcobacenses na escola adaes bermudes, pelas 15.30h.
apareçam!

Cristina disse...

Pena eu não ter visto na tv
:)
tem uma boa semana,
beijinhu

Anónimo disse...

Quem tem amigos como vocês é de facto muito rico. Estive convosco também,porque não se faz o que vos estão a fazer, simplesmente não se faz!!

Bem hajam pela solidariedade, que nunca é em vão,

Um abração,Chico OM

girassol disse...

Podemos passar grande parte da vida sem descobrir qual mas temos sim, uma missão a cumprir. E quase sem nos darmos conta temos dentro do coração o momento em que devemos agir em função do cumprimento da missão que é a nossa.

Beijo p ti

dulce disse...

Chega o momento em que não podemos calarmo-nos mais.
Beijinho para ti.

tuga disse...

Tambem fui nomeado pela GUIDA, e resolvi espreitar os outros nomeados. Parabens pelo blog, pela vossa luta e gritem bem alto pq há outros que por lei nao o podem fazer.

Papoila disse...

Por uma causa sabemos de novo ir buscar a força de unidade que nos moveu em tempos idos. Por uma causa!
Parabéns Girassol!
Beijo

bettips disse...

Ah Girassol, tu e as tuas causas justas! Como diz a Maria e o Brecht, um dia chega a nossa vez, do despedimento, da doença, da marginalização ou da injustiça. Com um carimbo. Eu sei...Gostei muito que nos tivesses sentido contigo. Estamos! E os encontros de corações magoadoa! Não se cortam vidas como fitas, há-de haver respeito pelo trabalho. Juntos os que não tiverem medo e não desistam. Haverá uma plataforma que não seja tão penosa para as pessoas e famílias. Como disse, não sou nada, desempregada e reformada à força, adoeci. Não perdoo. E estou do lado de todos os que lutam pela dignidade, não por mim, por vós e pelos nossos filhos. Um abraço grande!

jguerra disse...

Muitos girassóis têm de brilhar. Pena que o sol se esconda aos poucos e não os deixe crescer.
Parabéns pelo blog.

Loja Da Menina disse...

Olá =) pois é verdade. Nós todos temos algo para cumprir.

Um beijinho *
catarina

sa.ra disse...

:)

gosto muito deste girassol!

beijo

adorei ler este texto... contagiante!

que cada um reconheça a hora e lugar de abrir o coração, assim!

quem sabe, não teríamos menos quixumes!

sa.ra disse...

beijinho
Tem um dia muito feliz!