27 abril, 2008

Pela Europa fora I

Com os jovens a emigrar, existe agora uma geração de pais que têm de se deslocar frequentemente para gozar a sua companhia.
Ainda com mais razão quando os netos aparecem e com eles queremos passar o tempo possível, o que sobra quando ainda a reforma não é atingida, quando não nos podemos libertar.
Aproveitando um fim de semana longo, fiz um intervalo e fui até ao Lux.
Para matar saudades...

Aqui ficam as imagens.



Porto-Frankfurt, voos mais baratos, 2 horas.

Frankfurt-Luxemburgo, autocarro confortável, mais 2 horas.

Pelo caminho, grandes áreas cultivadas, vacas a pastar, outras descansando, rebanhos de ovelhas, cavalos, pequenas vilas semeadas no meio de tanto verde, um verde espectacular...

Finalmente a cidade, linda, limpa, movimentada.






Prédios modernos envidraçados, casas com história, palacetes, muita cor.
Jardins bem tratados, flores, muitas flores.
Tempo quente, como se fosse verão, dizem-nos.

Mas o que mais me espantou foi o tamanho da barriguinha da filhota, onde o neto se espreguiça incomodando a mãe, o pai faz festinhas e o nosso olhar se prende, numa surpresa constante, como se se tratasse de um milagre.
E de facto é !

10 comentários:

Maria disse...

É o milagre da vida, mais uma vez....
Já estou a adivinhar onde é a tua próxima viagem... :))))
Obrigada pela partilha que fazes das fotos. Os países do Benelux não têm nada a ver com o resto da Europa....

Beijos

Teresa Durães disse...

deve custar ter a família distante...

lindas as fotografias e o relato das mesmas

Pitanga Doce disse...

As fotos são lindas. As casas parecem saídas de um livro de histórias.

beijos e vai um babador aí? hhehe

Teresa David disse...

Bela passeata! Sabe sempre tão bem ir até qualquer lado, particularmente, como foi o caso ao encontro dos entes queridos!
Bjs amigos
TD

Teresa David disse...

Bela passeata! Sabe sempre tão bem ir até qualquer lado, particularmente, como foi o caso ao encontro dos entes queridos!
Bjs amigos
TD

Vanda disse...

Bom saber-te a curtir a vida, os amores e os milagres da vida!



Uma viagem agora tb nossa que me deu prazer!


beijinhos de sol

bettips disse...

Milagre! Sim, será sempre um amor a dobrar...
E olha que sempre é bom ter um raminho cá e lá: sempre dispersamos a portugalidade!
Que bom, esta visita sem contar!
Bjinhos

Isabel-F. disse...

belissima a tua reportagem fotográfica ...

então vais ser novamente avó???....

que tudo corra bem com a tua filha e o bébé ...


beijinhos e bom fim de semana

C Valente disse...

Belissimas fotos,
A vida é um vai e vem
Saudações amigas

Barqueira disse...

Tenho saudades tuas, viajante.

Hoje fazia-me falta um abraço teu.

Felicidades! :)

M