20 novembro, 2008

De passagem...

E o Natal aproxima-se...

De passagem, para dar um abraço à minha Tribo de Girassóis, que apesar da minha pausa prolongada, sempre arranjam um tempinho para passar por aqui e deixar o seu carinho!

O corre-corre no trabalho tem sido contínuo, com um pequenino período de férias, apenas 4 dias, para baptizar o meu netinho luxemburguês...

Deu para ver e ficar extasiada com a paisagem outonal daquela região da Europa: florestas de folhosas doiradas, vermelhas e alaranjadas, pastagens com vacas pretas e brancas, castanhas, rebanhos de ovelhas, salpicando o verde, um verde inexplicável!

Uma beleza!

A casa da filha, situada numa pequena vila rural, a poucos quilómetros do rio Mosela. Com um aluguer exorbitante, claro, mas com espaço e paz, tão diferente da rua turbulenta da cidade onde morava.

Ainda houve tempo para um agradável passeio com a Tia Alice, sempre pronta para a farra como eu, uma companheira fantástica para viagens!

De Beyren até Trier, a cidade mais antiga da Alemanha, fundada pelos romanos, ladeando o rio Mosela, numa tarde quente, cheia de sol...


Trier

Estacionei o carro e procurei a pé a praça principal de Trier, chamada Hauptmarket. Felizmente já existem muitos alemães que falam inglês, principalmente os jovens, sendo muito simpáticos e prestáveis com os turistas.

Chegadas à praça, ainda com bancas de flores lindissimas, entrámos num café para nos deliciarmos com "crépes au Grand Marnier" e um chá de menta.


Comprámos um pacote de castanhas assadas, as primeiras que provámos este ano, que fomos comendo percorrendo as ruazinhas estreitas com imensas lojas que nos encheram os olhos!!!!


Porta Nigra

Trier foi fundada no século I a.C. como Augusta Treverorum, supostamente pelo próprio imperador Augusto. Nos séculos III e IV sediou o império e foi capital da províncial de Bélgica Prima. No século V, então com 70 000 habitantes, a cidade foi destruída por tribos germânicas. Trier nunca recuperou a antiga importância: no século XVII tinha apenas 3 600 habitantes, e cem anos depois contava com apenas 4 000. Cidade natal de Karl Marx, cuja residência familiar é hoje um museu, Trier também se orgulha de sua rica herança arquitetônica.
Fica na região do
rio Mosela, divisa com Luxemburgo e norte da França. Tem ruínas romanas antigas como por exemplo a Porta Nigra. Para o Brasil, Trier enviou imigrantes que chegaram em 1828/1829 na colônia de Rio Negro na então Província de São Paulo (hoje divisa do Paraná com Santa Catarina) e também antes disso, para o Vale dos Sinos no Rio Grande do Sul.
http://pt.wikipedia.org/wiki/Trier

Ainda com os vapores do licor a alegrar o semblante, regressámos ao carro, valendo-me para isso o meu bom sentido de orientação numa cidade quase desconhecida...
Imaginem se não o tinha encontrado...

Não levei a máquina, por isso não posso fazer a reportagem fotográfica dos locais visitados. Mas procurei na net algumas imagens que servirão para ilustrar este passeio perfeito!

Quanto ao netinho, o tempo foi pouco para lhe pegar ao colo, dar-lhe biberão, brincar com ele, responder ao seu lindo sorriso, aos seus gritinhos de satisfação, ao palrar como se quisesse contar-me coisas...

Mas aproveitei ao máximo, palavra de girassol!!!!!

Beijinhos da flor!

12 comentários:

Maria disse...

Olá Flor Grande!

Ainda ontem entrei aqui (em RSS, portanto de porta mesmo fechada) para te ler. Porque me apareceu outro blog chamado Girassol e eu tive que voltar a saber-te.
Percebo a tua falta de tempo, eu correria todos os fins de semana (se pudesse) para o Luxemburgo...
As construções daqueles países ali à volta são lindíssimas. Obrigada pela partilha que fazes conosco.

Beijinhos, Flor Grande

poetaeusou . . . disse...

*
belo post,
,
luxemburgo,
a segunda pátria,
dos portugueses que trabalham...
,
conchinhas
,
*

Criação disse...

Achei muito bom o seu blog!!!!..
Valeu!

bettips disse...

Até que enfim...estava a ficar netmente preocupada! Por prazer vale, por trabalho é inútil, é cansativo, é ...(tu sabs o que penso). Mas fico feliz com mais uma delícia de neto (não há distâncias para ti!) e a viagem, com apontamentos lindos.
Beijinhos muitos!

bettips disse...

Posso dar-te uma dica do próximo lançamento dum livro de 22 bloggers (eu não estou mas fui ao lançamento no Porto, com alguma gente que conhecia daqui). Vai aos meus links, ao Palavra Puxa Palavra. Aí encontras ligação para Tmara (ou Eremita) e lá lerás e terás outras notícias.
Da Licínia, foi encantador, acho que gostarias da festa e do livro... Talvez encontres a reportagem ou pistas em Maria Carvalhosa, também nos meus links.
Maria "Cheiro da Ilha" tb tive o prazer de a abraçar!
B

hfm disse...

Que bom voltar a ler-te e, sobretudo, a ter notícias. Quando nos agarram as empatias estas pausas são dolorosas... embora percebíveis!

Sempre o teu relato, sempre o teu humor, sempre o teu olhar que está para lá do ver.

Um grande, grande beijo.

Betty Branco Martins disse...

.querida ______Girassol




que lindo post:)



as fotos são maravilhosas





_______e a narrativa é perfeita:)




.já tinha saudades ver o meu querido "girassol" aqui na minha "casa":)






beijO______C______CarinhO
b.resto.de.semana

tulipa disse...

Não há nada mais fascinante e cativante do que conhecer in loco novas culturas.
Assim o fiz mais uma vez.
Sou uma privilegiada, Deus tem sido meu Amigo por me proporcionar momentos tão magníficos.
Consegui realizar mais um sonho na minha vida.

Noutras áreas a coisa não corre muito bem, mas a Esperança é a última a morrer, continuo diariamente na luta por aquilo que quero, hei-de conseguir.

Boa semana.

Estou de regresso depois de 2 semanas de ausência.

Já comecei a postar algumas fotos no blog MOMENTOS PERFEITOS.

C Valente disse...

Parabens á avó , muitas felicidades para toda a familia em especial ppara o novo rebento
Gostei das fotos
Saudações amigas

c valente disse...

sei e deixo saudações amigas

SM disse...

É bom ter noticias de vez enquando ... um pouco como aquelas velhas amizades que estamos meses sem regar e depois num segundo florescem como se nunca tivessem deixado de estar presentes na nossa vida ...

Votos de que continue tudo a correr bem com o "benjamim" da familia e tudo de bom para ti ...
Beijocas grandes
SM

Licínia Quitério disse...

Olá Girassol!

Foi um prazer ter-te lá no meu sítio.
Gosto de saber que tudo correu bem.

Um beijinho afectuoso.